Publicado em: 04/12/2018 18h53 – Atualizado em: 04/12/2018 19h01

04/12/2018 - Justiça Federal em Bauru aprova prestação de contas de instituições sociais

O juiz federal Joaquim Alves Pinto, da 1ª Vara Federal de Bauru/SP, homologou as prestações de contas apresentadas por duas entidades assistenciais que receberam recursos para a realização de projetos sociais. O dinheiro provém de penas pecuniárias fixadas em ações criminais que tramitam na 1ª Vara, sendo repassado por meio de dois termos de convênio. 

A instituição Comunidade Bom Pastor recebeu R$ 9.638,53 para a aquisição de máquinas de costura e realização de cursos voltados a pessoas acolhidas pela entidade, no projeto “Customizando a Vida”. A Associação Beneficente Casa Abrigo de Pederneiras recebeu a mesma quantia, que foi utilizada para a aquisição de eletrodomésticos e reestruturação da cozinha e lavanderia da instituição.

A confirmação do cumprimento das obrigações assumidas nos dois termos de convênio foi feita através da análise das notas fiscais, bem como da visita do juiz Joaquim Alves Pinto, do procurador da República e do diretor de Secretaria às sedes das respectivas entidades. (JSM)

Íntegra da decisão