» Imprensa » Notícias 2017 » MANTIDA PRISÃO DE PRESIDENTE DA JBS

MANTIDA PRISÃO DE PRESIDENTE DA JBS

São Paulo, 13 de setembro de 2017

O juiz federal João Batista Gonçalves manteve, em audiência de custódia, a prisão de Wesley Batista, um dos sócios da empresa JBS, detido na manhã de hoje na Operação Tendão de Aquiles, a qual investiga o crime de “insider trading” (uso de informações privilegiadas no mercado financeiro).

Na audiência, a defesa de Wesley requereu a reconsideração da decisão que determinou a prisão do empresário ou sua substituição por medida cautelar (como prisão domiciliar, por exemplo). Após ouvir o Ministério Público Federal (MPF), contrário ao pedido, o juiz manteve a prisão.

Em seguida, o advogado requereu que o empresário pudesse permanecer na custódia da Polícia Federal, por motivos de segurança. O MPF não se opôs ao pedido e o magistrado assim o acolheu. (FRC)

Autos n.º 0012131-73.2017.403.6181 - Ata da audiência

 
 
JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU EM SÃO PAULO
site desenvolvido por NUCS-JFSP com apoio técnico da Secretaria de Informática TRF 3ª Região
observação: alguns links de conteúdo e sistemas deste endereço estão vinculados ao site do TRF 3ª Região
 
Página Principal Jf Mato Grosso do Sul Página Principal TRF3r busca Página Principal Telefones e Endereços Fale Conosco