TRF3SPMSJEF

Acessibilidade

alto contraste
Transparência e Prestação de contas
Intranet - Acesso Restrito
Menu
InternetNotíciasNotícias 2011

19/09/2011 - Desembargador e jornalista discutem relação "Imprensa X Judiciário"

O seminário “Poder Judiciário e Imprensa – Um Diálogo Aberto” teve sequência na última sexta-feira (16/9), no auditório do Tribunal Regional Federal da 3ª Região. O debate foi mediado pela desembargadora federal Salette Nascimento, diretora da EMAG, e teve como palestrantes o jornalista William Waack e o desembargador federal Fausto Martin De Sanctis, que discutiram a relação dos jornalistas com os magistrados. 


O jornalista Willian Waack, da Rede Globo, falou sobre as características peculiares da TV brasileira e o enorme impacto que ela causa na sociedade. Outro tema abordado por ele, foi a falta de conhecimento da população sobre questões relativas ao Poder Judiciário, que acarreta para a TV uma dificuldade em transmitir as informações de maneira mais completa. Waack ainda ressaltou os males da censura no jornalismo: “Não pode existir imprensa, sem que haja completa liberdade de expressão”. 


Em seguida, o desembargador federal Fausto De Sanctis iniciou sua apresentação concordando com Waack. “A liberdade tem que ser total, ainda que possa haver algum excesso”, afirmou o magistrado. Fausto ainda falou sobre sua relação com jornalistas, afirmando que o magistrado deve sempre atender à imprensa, salvo quando se tratar de processos em andamento, e acrescentou que o juiz pode ter amizade com um repórter, desde que um não invada o trabalho do outro.   


No fim do debate, De Sanctis e Waack discordaram a respeito de um assunto.  O magistrado criticou jornalistas que têm em mãos alguma informação sigilosa e a divulga, podendo prejudicar, por exemplo, anos de trabalho da polícia. “Neste momento, o repórter tem que entender que o interesse público está acima do furo jornalístico”, afirmou o desembargador. Para Waack, o jornalista que consegue uma informação importante, mesmo que sigilosa, tem o dever de divulgá-la. 


Na próxima sexta-feira, dia 23/9, será realizado o último encontro do seminário. O jornalista Marcelo Tas, a ministra do STF Carmen Lucia e o Procurador da República Luiz Fernando Gaspar Costa, abordarão o tema “Comunicação na era digital Wikileaks – Privacidade e Liberdade”. (FRC) 


Fotos: Fernando Coleti

Publicado em 16/01/2018 às 14h06 e atualizado em 04/04/2024 às 12h12